quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Reeducação alimentar: emagreça mudando seus hábitos

A melhor forma de emagrecer de maneira saudável é fazendo uma reeducação alimentar.
Em vez de fazer uma dieta e ficar restrita a número X de calorias e a um cardápio rígido, o ideal é fazer mudanças em seu estilo de vida, na tentativa de torná-lo o mais saudável possível.
Se você pensa que as mudanças propostas pela reeducação alimentar se resumem a substituir tudo o que você gosta – doces, hambúrgueres, refrigerantes – por uma salada sem graça e um copo de água, saiba que está muito enganada!
Reeducação alimentar
reeducação alimentar consiste, basicamente, em pequenas mudanças e substituições – tanto no cardápio quanto no estilo de vida – que resultam em uma rotina mais saudável.
Essas mudanças, porém, não acontecem da noite para o dia. Os hábitos saudáveis são incluídos gradualmente no dia a dia, levando à perda de peso e prevenção/tratamento de doenças.
Uma das grandes vantagens da reeducação alimentar é a grande liberdade que ela proporciona, pois é possível fazer concessões – como não abandonar totalmente aquele docinho após o almoço – equilibrar todos os grupos alimentares na dieta e incluir novos gostos e sabores ao cardápio, o que é quase impossível quando se segue uma dieta restritiva
reeducação alimentar é um projeto a longo prazo, e por isso é ideal para quem deseja perder peso e manter determinado número na balança.

Dicas para Emagrecer com Reeducação Alimentar

Dicas para emagrecer com reeducação alimentar

Diminua o tamanho e fixe horários para suas refeições

Não ter horário para comer é um dos grandes erros de quem deseja emagrecer, pois o organismo sente que é necessário armazenar energia na forma de gordura – já que não “sabe” quando será a próxima refeição. É muito importante comer em horários fixos, pelo menos 6 vezes por dia. Este novo hábito faz com que seu organismo fique acelerado, favorecendo a queima de gordura. Diminuir o tamanho das porções também é muito importante, pois ao comer com mais frequência, você sentirá menos fome ao longo do dia.
2-Não fique só na salada de alface com tomate
Lembre-se que reeducação alimentar é para vida toda, por isso expanda o seu repertório depratos saudáveis. Há muitas receitas light na internet; procure incluir em seus pratos alimentos capazes de acelerar o seu organismo e prevenir doenças (como os alimentos funcionais). Alimentos termogênicos também são uma boa pedida, pois alteram a temperatura corporal e “obrigam” o organismo a queimar calorias para ela volte ao normal.
como fazer uma reeducação alimentar

3-Inclua sua família no processo

Além da questão estética, há também a questão da saúde: uma alimentação saudável é capaz de tratar, controlar e prevenir diversas doenças – até mesmo o câncer! Faça com que seus familiares embarquem em sua jornada por uma vida mais saudável.

4-Beba mais água

Você sabia que é possível emagrecer quase 4kg em um mês apenas bebendo entre 2 a 3 litros de água por dia?
A água é o principal constituinte de nosso corpo e é essencial para o bom funcionamento do organismo, por isso, procure beber uma maior quantidade de água a partir de hoje!

Em vez de consumir bebidas muito calóricas – como refrigerantes e sucos industrializados – prefira alternativas mais saudáveis como água (que possui 0 calorias!) ou sucos naturais com pouco açúcar.

5-Evite as gorduras ruins e invista nas gorduras boas

Nem toda gordura é vilã do emagrecimento. As gorduras mono e poli insaturadas fazem bem para asaúde, prevenindo doenças cardiovasculares e ajudando no controle do colesterol. Elas estão presentes no azeite, nos peixes, no abacate e em algumas nozes (como amêndoas e avelã). Porém, se você deseja um estilo de vida saudável, é bom passar longe das gorduras trans. Essas gorduras aumentam o nível de colesterol no sangue e contribuem para o ganho de peso, o que é prejudicial para a saúde.

Reeducação alimentar com gordura saudável

6-Não belisque!

Evite beliscar fora dos horários das refeições, pois essas calorias extras, ao final do dia, podem fazer uma grande diferença em sua balança. Se você cozinha, por exemplo, evite ficar provando em excesso – ou comer diretamente da panela. Uma dica boa é mascar um chiclete sem açúcar enquanto estiver cozinhando ou tomar um copo grande de água, para evitar comer sem necessidade.

7-Compre alimentos saudáveis

Para emagrecer é preciso fazer um compromisso com você mesma – o que inclui encher a despensa e a geladeira com alimentos saudáveis que não afetarão negativamente a sua dieta. Evite voltar do supermercado com produtos que você sabe que prejudicarão o seu emagrecimento, como refrigerantes, doces, biscoitos calóricos.

Prefira frutas, alimentos ricos em fibras, carboidratos de baixo índice glicêmico e as clássicas barrinhas de cereal – que podem servir como um lanchinho da manhã ou da tarde.
Fonte:http://www.sitedebelezaemoda.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário