sexta-feira, 19 de junho de 2015

Como tirar as espinhas com vapor

Como tirar as espinhas com vapor

Um dos piores pesadelos estéticos são as espinhas, esses pontos brancos que muitas vezes aparecem no momento menos oportuno e que sempre desejamos eliminar a todo o custo. Mas a verdade é que se fizermos de forma inadequada podemos aumentar a infecção e produzir cicatrizes em nosso rosto difíceis de eliminar. Para evitar que isto ocorra, devemos desinfetar bem a zona facial e abrir os poros para que saia a sujeira. Não sabe como o fazer? 

Instruções

  1. As espinhas são grãos que aparecem em nossa pele quando a gordura e as impurezas obstruem o poro, o que produz pontos inflamados e normalmente brancos que costumam sair no rosto e nas costas. Para liberar o poro desta obstrução é necessário drenar o conteúdo da espinha, mas isto deve ser feito com muito cuidado para evitar infecções ou cicatrizes. Uma boa opção para conseguir isso é usar o vapor que, graças ao calor que libera, consegue abrir os poros do rosto facilitando sua limpeza.
    Em casos de acne intensa recomenda-se recorrer a tratamentos dermatológicos profissionais para evitar lesões maiores.
  2. A primeira coisa a fazer para tirar as espinhas com vapor é limpar seu rosto com seu demaquilante ou creme de limpeza habitual. Este passo é imprescindível, pois precisa que a pele esteja completamente limpa para evitar que os poros afetados se obstruam mais, aumentando a infecção da espinha. Do mesmo modo, deve lavar muito bem as suas mãos antes de continuar.
  3. Em uma panela coloque água e coloque-a no fogo alto até quase ferver; quando estiver perto de atingir o ponto de ebulição, retire do fogo. Agora, com muito cuidado para evitar se queimar, leve a panela para um lugar seguro, por exemplo uma mesa, envolva sua cabeça com uma toalha e com muita precaução aproxime-se da panela para que o vapor da água quente grude no rosto. Não é necessário se aproximar demais, pois deve ter cuidado para que o calor não queime a sua pele.
    Fique perto do vapor entre 3 a 5 minutos para se assegurar que os poros fiquem bem abertos, o que facilitará a saída da gordura localizada na espinha.
  4. Passado este tempo, seus poros já estarão abertos e bastará pressionar ligeiramente a espinha para que a sujeira em seu interior saia. Deve evitar sempre usar as unhas ao realizar este procedimento, por isso se recomenda usar a ponta dos dedos ou cobrir as unhas com um lenço descartável para evitar o contato.
    Não pressione demais a espinha ou fará com que se forme uma ferida na zona. Extraia aos poucos o conteúdo sem causar uma lesão; se não conseguir, o melhor é tentar no dia seguinte.
  5. Lave seu rosto com água fria para fechar os poros ou, para um melhor resultado, envolva um pouco de gelo com um pano suave, deixe umedecer e passe pelo rosto para garantir que os poros fiquem perfeitamente fechados.
  6. Depois é muito importante aplicar na zona algum tônico adstringente para reduzir a possibilidade de infecção; se não tiver em casa, pode usar água oxigenada. Ainda, se tiver algum creme para as espinhas é conveniente aplicá-lo também para garantir uma melhor cicatrização.
  7. Se com frequência aparecem espinhas, é conveniente revisar muito bem seus hábitos pois a limpeza facial, a dieta ou o estresse são desencadeadores importantes desta condição. Em nosso artigo como evitar as espinhas no rosto damos a você algumas recomendações úteis que poderá pôr em prática para diminuir a sua presença.




Nenhum comentário:

Postar um comentário