quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Dieta: Como montar a marmita ideal


Só quem faz dieta sabe como pode ser bem complicado colocar em prática os planos de perder alguns quilinhos, principalmente, quem trabalha ou precisa passar horas fora de casa diariamente.
Se alimentar fora, além de caro, nem sempre – quase nunca – é a melhor opção, sendo a melhor saída, sem dúvida, levar de casa a própria refeição, para desfrutar de uma série de benefícios, tanto para a saúde, quanto para o bolso.
Vamos ser práticas, além de sair bem mais barata essa opção, ainda dá para economizar, sem falar que aquela sobremesa hiper calórica pós-almoço, tipo bolo, sorvete ou brigadeiro, que você adora e gostaria de comer sempre, deixa de ser uma tentação diária.
Dieta: Como montar a marmita ideal
Ok, mas o que colocar na marmita? Quer saber? Então, continue lendo!





Segundo a maioria dos nutricionistas, a boa e velha marmita – preparada com alimentos mais saudáveis – vai fazer toda a diferença na dieta, ajudando a fortalecer o organismo, fazendo com que se sinta mais disposta e saudável.
Mas, claro, para obter resultados positivos não basta pegar o que tem na geladeira ou despensa e preencher a marmita, é preciso saber como prepará-la do jeito certo.

PREPARE DE VÉSPERA

Como preparar os alimentos para fazer a marmita

Sua vida não precisa girar em torno de sua dieta, portanto, não é preciso ficar horas escolhendo e montando a marmita, basta encará-la como um hábito prático que pode, sim, ser realizado em poucos minutos.

Para isso, a dica é preparar sua marmita na noite anterior com alimentos frescos saudáveis. Invista em frutas, legumes e verduras.

NÃO ESQUEÇA DO PRAZER

A dieta não tem que virar sinônimo de tortura ou sacrifícios, ninguém aguenta ficar comendo só o que não gosta para emagrecer, a tendência desse tipo de dieta é fracassar.
Por isso, a dica é apostar em uma salada saborosa com ervas, tempero, sementes e queijo ralado para tornar a alimentação mais atraente. Isto servirá como um incentivo para permanecer firme na reeducação alimentar

APOSTE EM PROTEÍNA

marmita ideal
A marmita ideal precisa, necessariamente, conter algum tipo de proteína, como frango grelhado, peixes ou queijo.
A dica é adotar o seguinte padrão: 60% de vegetais, 30% de proteína e 10% de molho para salada/condimentos.

QUANTO MAIS COLORIDA, MELHOR

como fazer a marmita

O colorido pode indicar se a sua marmita é a ideal, sabia? Pois a marmita ideal é aquela que parece com um arco-íris, ou seja, toda colorida. 

Quanto mais cor, melhor! Pois, cada cor fornece uma série de benefícios nutricionais que resultam em pele e unha mais saudáveis, cabelo brilhante e metabolismo bem mais rápido.

NÃO EXAGERE NA QUANTIDADE

Nada de ficar contando calorias, em vez disso, a dica, para garantir uma marmita mais saudável é começar o dia com um café da manhã caprichado, ou seja, nutritivo, e terminar o dia, à noite, com uma refeição bem leve e saudável.
A dica, portanto, é prestar atenção na quantidade de alimentos que você irá colocar na marmita, pense nisso na hora de preparar sua marmita e use o bom senso.

VARIE OS ALIMENTOS A CADA SEMANA

dicas para preparar a marmita
Uma outra dica, super importante, para não enjoar da marmita, é variar ao máximo os alimentos, com novas verduras a cada semana, novos vegetais, experimente incorporar espinafre, cenoura, rabanetes, rúcula, couve-flor, abóbora – a lista é interminável.http://www.sitedebelezaemoda.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário